Atenção

Fechar

agenda

Outros

“Arte Abraça Brumadinho” leva espetáculo inédito “O Paraíso mais belo do mundo” na data de 1 ano do rompimento da barragem

Durante várias semanas uma pracinha no Córrego de Feijó, em Brumadinho, que era usada para as crianças brincarem, se tornou local onde elas se encontraram para chorar e olhar sem entender o sobe e desce de helicópteros trazendo corpos, após o rompimento da barragem de mineração no dia 25 de janeiro de 2019.

Como mensurar o efeito dessas imagens nas crianças? Como isso mudou os sonhos que elas tinham para o futuro?
Ressignificar a praça
Mas a Arte, além de nos maravilhar, também tem um poder curativo. Ela pode amenizar as dores e os traumas causadas por uma tragédia e ser um trampolim para seguir em frente.
Para ressignificar o local que deixou memórias tão tristes nas crianças, o projeto "Arte abraça Brumadinho" apresentará, para crianças que perderam familiares e amigos, o espetáculo inédito no Brasil: "O paraíso mais belo do mundo", baseado nos sucessos editoriais "O Paraíso são os outros" e "As mais belas coisas do mundo", do aclamado escritor português Valter Hugo Mãe. Os dois livros são narrados por crianças e o mesmo acontecerá no espetáculo, que tem direção e adaptação de José Mauro Brant.
A primeira apresentação será no Córrego do Feijão, local do rompimento da barragem, dia 24/1 às 15h.
Estarão em cena as reflexões de duas crianças, Miguel e Maria. Primos distantes, nos seus encontros eles conversam sobre suas descobertas e fazem um pacto: descobrir as mais belas coisas do mundo. A encenação contará com três atores, que vão manipular bonecos em tamanho natural. Eles foram criados e concebidos pelo artista plástico Dante.
"A amizade de Maria e Miguel fala sobre a importância do outro, sobre beleza e esperança. É um banquete de boas mensagens. Um abraço no coração de quem for assistir", garante Brant.
Já a produtora cultural Fernanda Avellar afirma que esse projeto foi o convite mais importante que apareceu para ela em 2019. "No projeto, arte e infância se unem para construir outras narrativas. A ideia é ajudar as crianças a criarem memórias de histórias de amor, parcerias, afetos, cumplicidades, e de arte e de beleza: inspirações para que sigam sonhando".
Na abertura do espetáculo, José Mauro Brant atua como mestre de cerimônia e irá contar e cantar histórias e canções da tradição oral mineira intercaladas por narrativas selecionadas entre os moradores de Brumadinho. Histórias de sobrevivência, saudade e fé, mas também histórias curiosas de moradores sobre culinária, costumes e crendices, que dão a cor local, mostrando o melhor da cultura da região.
Serão seis apresentações do espetáculo, que tem parceria do Conselho Tutelar, entre os dias 24 e 26/1.
Esta é a 6ª edição do projeto A Arte abraça Brumadinho, que já levou à cidade: "Missa para Clarice", com o diretor, ator e produtor Eduardo Wotzik; Orquestra Maré do Amanhã/RJ; Paulo Jobim, Mário Adnet e convidados que interpretaram canções emblemáticas de Tom Jobim; Maestro João Carlos Martins, o multi-instrumentista, cantor e compositor Marcus Viana, entre outros. Nenhum artista cobrou cachê e as apresentações têm sempre entrada franca.
Sobre o projeto A Arte Abraça Brumadinho
A Arte Abraça Brumadinho é um projeto criado por voluntários do RJ, SP e MG. As atividades são preparadas em conjunto com representantes da comunidade de Brumadinho. O objetivo principal é dar visibilidade à comunidade afetada pelo desastre do rompimento da barragem e promover reflexão sobre alternativas de reconstrução simbólica e concreta da cidade, além de apoiar organizações locais a consolidar e ampliar o alcance de projetos sociais na localidade e fomentar o turismo através da oferta de uma programação diferenciada de arte e cultura.
Serviço do espetáculo

**Dia, 24, sexta-feira:
15h – Pracinha do Córrego do Feijão (se chover, será na Quadra de esportes)
18h30 - Nova sede da Casa de Acolhimento Luz da Eternidade
**Dia 25, sábado
10h - Lar dos Idosos Pe. Vicente Assunção
13h20 - palco do estacionamento central da cidade
**Dia 26, domingo
11h - Praça central em Casa Branca
15h30 - Associação Amigos de Brumadinho (Rua padre Eustáquio número 200, Bairro São Sebastião)
Ficha Técnica
Idealização e realização: Carlos Araújo Netto
Direção e adaptação: José Mauro Brant
Direção de Produção: Fernanda Avellar
Produção executiva: Celso Meireles
Elenco: Clayton Dirr, Erica Riba e Fabricio Polido
Direção musical: Tibor Fittel
Cenário: Natalia Lana
Figurino: Guilherme Reis
Criação e confecção dos bonecos: Dante
Arte gráfica: Bianca Waideman

atoresebonecos1.jpg