Atenção

Fechar

Entrevistas

Nós da Comunicação entrevista Sônia Araripe sobre os 5 anos de Plurale

Por André Büerger, do Nós da Comunicação

Por André Bürger, do Nós da Comunicação

Há cinco anos, Sônia Araripe e Carlos Franco, jornalistas com conhecimento na área econômica, resolveram dedicar-se a um novo projeto de trabalho. Como Sônia tinha acabado de fazer uma pós-graduação em meio ambiente e Carlos já acumulava experiências com viagens pelo Brasil, escolheram o campo da sustentabilidade como foco. Surgia então a revista Plurale.

"Pensamos em criar um canal para divulgar histórias de pessoas, empresas, ONGs e projetos transformadores. Não era uma revista apenas sobre meio ambiente, mas um veículo que pudesse representar nosso desejo de mostrar as grandes mudanças que estavam acontecendo no Brasil e seus personagens. Por isso escolhemos esse nome. É plural e remete a uma construção coletiva, como sempre planejamos que fosse", conta Sônia, editora da publicação em parceria com Carlos Franco.

Para diferenciar a revista seus criadores resolveram abordar além de questões ambientais, iniciativas de cidadania, comunicação e cultura. "Felizmente, não nos tornamos mais um veículo na área. Com uma proposta transversal, abordamos também outros temas. O conceito e realização foram criados de forma coletiva pela equipe Plurale que acreditou no projeto. Nada aconteceria sem todos juntos."

Desde o início de sua gestação, o projeto foi pensado para ser multiplataforma. Na ocasião, Plurale em Site e a revista foram lançados juntos. A proposta era ser um produto de todos, tendo o compartilhamento de conhecimento como prática. Segundo a jornalista, só faria sentido se fosse dessa maneira.

"Essa foi uma grande sacada. Ninguém é dono da verdade. Temos que entender que, na sociedade do conhecimento, o conteúdo é de todos. Por isso, compartilhamos artigos e textos de parceiros como o Nós da Comunicação, Mercado Ético, Carbono Brasil e Envolverde. É muito bom poder promover essa rede", conta Sônia, ressaltando que cada mídia também deve ter seu nicho e exclusividades. "O jornalismo é isso."

Para a editora, mesmo tendo amadurecido nos últimos anos, o mercado de publicações sempre foi muito difícil, com altos custos de produção. "É um desafio empreender em um ambiente tão concorrido. O brasileiro é um dos povos mais empreendedores do mundo. Ser empreendedor aqui, com altas cargas tributárias, dificuldades econômicas, não é fácil."
Sônia acredita que os formatos digitais vão crescer cada vez mais, porém o impresso não vai acabar. "As pessoas também querem ler em papel. Não haverá a morte do impresso como alguns decretam. Temos leitores que só leem no papel, outros que só visitam o site, e ainda aqueles que acessam os dois."

Para Sônia, é preciso perseverar e fazer as empresas, governos e sociedade entenderem que o tema sustentabilidade é essencial para todos. "Vejo também a necessidade de especialização dos profissionais. Cada um tem que achar seu foco de atuação. Não adianta existirem milhares de publicações falando a mesma coisa", analisa. Plurale também está intensificando sua atuação em projetos especiais de sustentabilidade, como eventos, treinamentos e conteúdos para relatórios. Para os próximos anos, a meta é interagir cada vez mais com leitores, que segundo ela, trazem pautas e artigos como contribuições.

Na nova Plurale em revista, que já está disponível na web, destaque para a estreia de uma coluna sobre Ecoturismo e uma reportagem sobre o movimento Meu Rio, iniciativa de cariocas apartidários em prol da cidade maravilhosa. Em entrevista exclusiva, Nilcéa Freire, representante da Fundação Ford no Brasil, conta a trajetória da entidade no país.
A edição 31 traz também um ensaio fotográfico realizado por Virgínio Sanches, que além de ser fundador e conselheiro da Associação de Fotógrafos da Natureza, é superintendente de comunicação e sustentabilidade da Unimed-Rio, que viajou para o Quênia e registrou a fauna e a população da região, famosa após a produção da série de TV norte-americana 'Daktari', na década de 1960.







Veja também

3 comentários | Comente

 Digite seu comentário

*preenchimento obrigatório



carlos di paola |
Amiga Sônia meus parabéns pela sua vontade de fazer uma revista toda pela natureza com este brilho, pois você e uma mulher de garra. Um cordial abraço à sua equipe!

14/11/2012 18:42
Sônia, linda, importante entrevista -,grande data! Nossa Terra precisa da sua mídia amiga e plural. Plurale, pra todos nós.Desejo-lhe e ao Carlos todo o sucesso que merecem pela isenção e pionerismo. Contem sempre conosco.

Renata Mondelo |
Com uma dupla de bambas como essa, só podia dar no que deu: SUCESSO! Parabéns e o desejo de que a Plurale seja, cada vez mais, um veículo portador de grandes notícias e iniciativas para melhorar a vida no nosso planetinha azul. Bjo pra vcs! Renata Mondelo