Atenção

Fechar

Casos e Causos

Doces da Lú transformam produtos da roça em guloseimas

Por Sônia Apolinário/ Portal Delícias RJ

Aprender a fazer doces mudou a vida de Luciana Coelho. Atualmente, ela é conhecida pelo nome da sua marca, Doces da Lú. No seu sítio, em Correas, distrito de Petrópolis, ela planta frutas e legumes que, depois, vão virar seus famosos doces. Atualmente, ela produz cerca de 30 itens e, mesmo durante a quarentena, arregaçou as mangas e deu o primeiro passo em direção à realização do sonho: ter um espaço para clientes poderem degustar seus doces.

Em uma área de 120 metros quadrados, ela reservou 50 metros quadrados para construir um salão de degustação. Atualmente, recebe o público somente com hora marcada, por conta das restrições impostas pela quarentena de combate ao novo Coronavírus.

Futuramente, Luciana quer transformar o local em showroom e bistrô, “com cardápio e tudo”. Que ninguém duvide que ela vai conseguir realizar esse sonho.

A Doces da Lú é fruto de uma perseverança iniciada quando tinha 15 anos. Após a morte do pai, sua mãe se viu obrigada a buscar emprego e terminou por trabalhar em uma loja de doces, em Correas. Para ajudar a família, a então adolescente pediu emprego na mesma loja e lá ficou, por seis meses.

“Eu aprendi a fazer doces com a minha mãe, mas para comermos em casa. Quando estava na loja pensei que, se eu fizesse os doces e fosse vender na rua, ganharia mais do que trabalhando no balcão. Decidi arriscar. Naquela época, abriu o mercado municipal de Itaipava. Quando souberam que eu ia vender doces na rua, me arrumaram um lugar no mercado. Não precisei ir para a rua. Consegui 400 cruzeiros emprestados para comprar uma panela e fui fazer os doces. Logo consegui devolver o dinheiro que me emprestaram”, conta Lú.

E assim se passaram quase 20 anos. Há cinco, ela criou a Doces da Lú. Há cerca de dois meses, abriu um quiosque em Araras e também pode ser encontrada no Mercado dos Produtores que funciona no Shopping Uptown, na Barra da Tijuca (Rio de Janeiro).

Nesse caminho, fez todos os cursos e treinamentos que lhe foram possíveis. Um deles foi de empreendedora rural. Foi assim que conseguiu “encarar” o sítio Nosso Senhor do Bonfim, em Correas, onde morou um dia – agora ela mora em frente ao sítio. Batata roxa, laranja, banana, mamão, abóbora e toda uma sorte de frutas e legumes ela planta para transformar em doce. Do total de três hectares, cerca de um terço é reservado para a sua produção.

São 40 quilos de cada item cultivado que são transformados em doces. Desse “cardápio”, um destaque é o de batata roxa, o cultivo que dá mais trabalho, segundo Luciana.

“A batata roxa é chatinha, é muito mimada. Eu converso e tudo com ela. Por isso, quando colho uma, me sinto muito gratificada”, comenta. Luciana que faz todo o trabalho da empresa sozinha.

Cocadas, bolos, quindim, balas, queijadinha, suspiro, pão de mel, palha italiana fazem parte da variedade de produtos da Doces da Lú.

Depois de um bocado de tempo fazendo obras no sítio, a pandemia chegou na mesma época em que Luciana iria inaugurar seu espaço de degustação. Foram meses com o lugar fechado e uma redução de 50% na produção. A solução foi partir para o delivery na região de Petrópolis que, às vezes, chegou a lembrar o começo de sua jornada como empreendedora.

Agora, com as portas do seu salão abertas para receber o público, sob agendamento, via whatsapp, Luciana já sonha com a criação do seu bistrô.

“Eu me jogo. Estou bem, mesmo com a pandemia. Deixei de ganhar, mas estou bem. Minha fé é mais do que tudo”, afirma.

Doces da Lú

Endereço: Rua José Justino Fernandes Pimenta SN, Bonfim – Correas, Petrópolis.

Whatsapp: (24) 98141-3927

Delivery com entregas às quintas, sextas e sábados.

Mais informações:
Facebook:
Doces da Lu
Instagram:
@Docesdalunaroca







Veja também

0 comentários | Comente

 Digite seu comentário

*preenchimento obrigatório



Ninguém comentou essa notícia ainda... Seja o primeiro a comentar!