Atenção

Fechar

Energia & Crédito Carbono

Neoenergia renova e atesta certificações ISO em usinas hidrelétricas

Conquistas reforçam eficiência do trabalho das usinas nas áreas de Qualidade, Meio Ambiente e Segurança e Saúde no Trabalho

Da Neoenergia

A geração hídrica da Neoenergia obteve algumas conquistas neste início de 2021 com a recertificação e manutenção nas Normas ISO que atestam que o trabalho das usinas é eficiente e realizado com qualidade, respeitando e protegendo o Meio Ambiente e cuidando da Segurança e Saúde das pessoas. A Usina Hidrelétrica (UHE) de Itapebi (foto), localizada na Bahia, passou pelo processo de recertificação, enquanto as UHEs de Corumbá (GO) e Dardanelos (MT) tiveram a realização da primeira manutenção.

As certificações se referem ao escopo de Operação e Manutenção nas Normas – ISO 9001:2015-Sistema de Gestão de Qualidade, ISO 14001:2015-Sistema de Gestão Ambiental, e ISO 45001:2018-Sistema de Gestão de Segurança e Saúde do Trabalho. "Todas as seis hidrelétricas da Neoenergia estão certificadas com o mesmo escopo 'Operação e Manutenção de Usinas Hidrelétricas'. Isso reforça o nosso compromisso em buscar constantemente a excelência operacional por meio da melhoria dos processos, respeitando as pessoas e o meio ambiente", afirma o superintendente de Operações e Engenharia de Hidráulicas da Neoenergia, José Paulo Werberich.

Cada Certificação ISO tem validade de três anos, por isso foi necessária a recertificação obtida agora pela UHE Itapebi, já que a primeira conquista aconteceu em 2017. "Para que isso aconteça, o auditor precisa passar por todos os requisitos da norma, obrigatoriamente. Entre eles, o planejamento e controle operacionais, nos quais é verificada detalhadamente a manutenção, desde a compra de insumos até a realização do trabalho final, bem como o atendimento aos requisitos da entrega da energia gerada", explica a engenheira de qualidade da Neoenergia, Luciane Rebollo. As auditorias em Itapebi aconteceram no decorrer de 2020 de forma online, devido à pandemia, e teve uma etapa presencial em janeiro de 2021.

Já as Usinas Hidrelétricas de Corumbá e Dardanelos foram certificadas nas três normas em 2018 e 2019, respectivamente, e agora passaram pela manutenção do ciclo. Anualmente, o procedimento se repete, até que aconteça a recertificação após o prazo de três anos. Corumbá fica em Luziânia, município de Goiás (GO), com capacidade instalada de 96,45 MW; e Dardanelos está localizada no município de Aripuanã, em Mato Grosso, e possui capacidade instalada de 261 MW. Itapebi fica no rio Jequitinhonha, na divisa dos estados da Bahia e de Minas Gerais, com capacidade instalada de 462 MW.

Conheça a seguir as três normas:

? ISO 9001: padroniza os processos e o trabalho de forma a organizá-lo com planejamento, objetivos e indicadores, diminuindo a quantidade de erros e garantindo a qualidade orientada ao cliente. A definição dos processos evita que ocorram desperdícios, tanto de recursos humanos quanto de recursos materiais e tecnológicos. Possui ainda um foco no atendimento a legislação e ao desenvolvimento dos recursos humanos.

? ISO 14001: especifica os requisitos de um Sistema de Gestão Ambiental que tem como objetivo aumentar o desempenho ambiental da organização, alcançando resultados e atendendo os requisitos legais. Esta Norma também permite a organização a desenvolver uma estrutura para a proteção do meio ambiente, formulando uma resposta rápida as constantes mudanças ambientais. Além disso, a energia gerada em uma hidrelétrica é renovável e auxilia no combate às mudanças climáticas.

? ISO 45001: tem como objetivo proporcionar ambientes de trabalho seguros e saudáveis aos colaboradores, e reforça a importância de ações preventivas, mostrando que se pode ser mais efetivo e eficiente ao tomar medidas antecipadas, durante a abordagem de riscos e oportunidades.

SOBRE A NEOENERGIA: companhia de capital aberto com ações (NEOE3) negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo. Parte do grupo espanhol Iberdrola, a empresa atua no Brasil desde 1997, sendo atualmente uma das líderes do setor elétrico do país. Presente em 18 estados, seus negócios estão divididos nas áreas de geração, transmissão, distribuição e comercialização. As suas distribuidoras, Coelba (BA), Celpe (PE), Cosern (RN) e Elektro (SP/MS), atendem a mais de 14 milhões de clientes, o equivalente a uma população superior a 34 milhões de pessoas.

A Neoenergia possui 4 GW em geração, sendo 88% de energia renovável, e está implementando mais 1 GW com a construção de novos parques eólicos. Em transmissão, são 679 km de linhas e cerca de 5.000 km em construção. Por meio do Instituto Neoenergia, fomenta o desenvolvimento sustentável a partir de ações socioambientais e, assim, contribui para a elhoria da qualidade de vida das comunidades onde a empresa atua, sobretudo, pessoas mais vulneráveis, visando sempre pelo desenvolvimento sustentável. A partir de janeiro de 2021, a Neoenergia passa a integrar a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3 – Brasil, Bolsa, Balcão – que reúne companhias que possuem as melhores práticas de governança e sustentabilidade corporativa.







Veja também

0 comentários | Comente

 Digite seu comentário

*preenchimento obrigatório



Ninguém comentou essa notícia ainda... Seja o primeiro a comentar!