Atenção

Fechar

Energia & Crédito Carbono

Solange Ribeiro é reconhecida entre mulheres que lideram as ações no combate às mudanças climáticas

Diretora-presidente adjunta da Neoenergia foi uma das seis mulheres destacadas pelo International Finance Corporation - IFC na campanha em homenagem ao Dia Internacional da Mulher

Solange Ribeiro, da Neoenergia, no centro acima, participa da campanha do IFC, por forte atuação na agenda do clima.

A diretora-presidente adjunta da Neoenergia, Solange Ribeiro, é reconhecida como modelo de representatividade feminina na agenda do clima no mundo corporativo. A executiva é uma das seis mulheres, líderes empresariais no mundo, destacadas pelo International Finance Corporation (IFC), braço do Banco Mundial para o setor privado, como exemplo de atuação para o enfrentamento dos desafios climáticos. Além do seu papel na Neonenergia e no setor elétrico brasileiro, atua como vice-presidente no Conselho do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), para engajar empresas e governo no cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e os Dez Princípios do Pacto Global.

Na campanha do IFC, disponibilizada no site da instituição, Solange Ribeiro reforçou a sua motivação em trabalhar com ações pelo clima. "Quero contribuir para a construção de um mundo mais inclusivo e resiliente para todos – fazer uma transição justa para um mundo com zero carbono líquido e não deixar ninguém para trás. Ambas são questões que me motivam imensamente", afirmou a diretora-presidente adjunta da Neoenergia.

A executiva ressaltou que a Neonergia trabalha para impulsionar a descarbonização da economia através da expansão da oferta de energia renovável e investindo na digitalização das redes, inovação e novos modelos de negócios. A empresa tem política de ação climática e a meta de atingir a neutralidade de emissões de carbono em 2050. Até o fim de 2022, 90% da sua geração será renovável. Além disso, a empresa contribui para o desenvolvimento sustentável das regiões onde atua.

Nascida em Pernambuco, Solange Ribeiro tem uma trajetória inspiradora de mais de 35 anos no setor elétrico, sendo quase 20 na Neoenergia. Em sua experiência profissional, foi membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) e atualmente participa de diversos Conselhos, dentre os quais o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS) e o Conselho Curador da Orquestra Sinfônica Brasileira.

Sua participação no Conselho do Pacto Global reflete o engajamento em prol de uma agenda mais sustentável e inclusiva, que inclui acelerar a ambição climática por meio da transição energética, onde a Neoenergia tem se destacado ao transformar seu modelo de negócio para torná-lo mais sustentável, alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A companhia conta com a experiência e influência no setor elétrico de Solange Ribeiro para tomada de decisões assertivas, que ressaltam a importância do pensamento e das ações sustentáveis na estratégia de grandes corporações. A executiva demonstra o poder e valorização da mulher, que espelham a cultura organizacional também da Neoenergia.

  • SOBRE A NEOENERGIA: Companhia de capital aberto com ações (NEOE3) negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo. Parte do grupo espanhol Iberdrola, a empresa atua no Brasil desde 1997, sendo atualmente uma das líderes do setor elétrico do país. Presente em 18 estados e no Distrito Federal, seus negócios estão divididos nas áreas de geração, transmissão, distribuição e comercialização. As suas distribuidoras, Neoenergia Coelba (BA), Neoenergia Pernambuco (PE), Neoenergia Cosern (RN), Neoenergia Elektro (SP/MS) e Neoenergia Brasília (DF) atendem a mais de 15 milhões de clientes, o equivalente a uma população superior a 37 milhões de pessoas.

A Neoenergia possui 4 GW de capacidade instalada em geração, sendo 88% de energia renovável, e está implementando mais 0,7 GW com a construção de novos parques eólicos. Em transmissão, são 2,3 mil km de linhas em operação e 4,3 mil km em construção. Por meio do Instituto Neoenergia, fomenta o desenvolvimento sustentável a partir de ações socioambientais e, assim, contribui para a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde a empresa atua, sobretudo, pessoas mais vulneráveis, visando sempre pelo desenvolvimento sustentável. A companhia é a primeira empresa no País a patrocinar exclusivamente a Seleção Brasileira de Futebol Feminino, dando nome à competição nacional, que passa a se chamar Brasileirão Feminino Neoenergia. Desde janeiro de 2021, integra a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3 – Brasil, Bolsa, Balcão – que reúne companhias que possuem as melhores práticas de governança e sustentabilidade corporativa.







Veja também

0 comentários | Comente

 Digite seu comentário

*preenchimento obrigatório



Ninguém comentou essa notícia ainda... Seja o primeiro a comentar!

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.